13 de novembro de 2015

Melhores Filmes Com Leonardo DiCaprio


Quarta passada, dia 11 de novembro, foi aniversário de 41 aninhos de um ator que eu gosto muito na minha opinião é o melhor ator da vida!!! hahahaha e para homenageá-lo decidi fazer esse post! Ele já fez excelentes filmes, com interpretações surpreendentes e mesmo assim nunca ganhou um Oscar. Com essa última informação, tenho certeza vocês já descobriram que estou falando de Leonardo DiCaprio.

Tirando todas as piadinhas que ele nos proporciona, acredito que a maioria das pessoas que já assistiu nem que seja um filme dele concorda que o rapaz é um ótimo ator. Por isso vou indicar aqui alguns filmes com ele que amo muito! (Infelizmente não vi todos ainda, inclusive alguns bem famosos como "Prenda-me Se For Capaz" ou "Diamante de Sangue", mas se for o caso faço uma segunda parte desse post...)
No Brasil é também muito conhecido pelo título original, Inception. A Origem é um daqueles filmes cheios de detalhes que você precisa assistir umas 2 ou 3 vezes para perceber todos (ou quase todos). É cercado por inúmeras teorias e merece um post especial aqui no blog, mas hoje vou apenas indicar e despertar sua curiosidade:

Em um mundo onde é possível entrar na mente alheia, no estado de sono, Cobb (Leonardo DiCaprio) tem uma equipe especializada em roubar lembranças valiosas. Fugitivo da lei, Cobb não pode retornar aos Estados Unidos, acusado de matar a própria esposa. Angustiado e com saudades de seus filhos, ele decide aceitar um último e arriscado trabalho que pode garantir sua passagem de volta para casa. 



Esse filme já foi resenhado aqui no blog, mas eu realmente gosto muito dele, então preciso pelo menos indicar essa parceria de Scorsese e DiCaprio que é maravilhosa! Confesso que tive um pouco de receio de assistir, porque simplesmente morro de medo filme de terror, mas não é terror! Tem o selo Amanda de garantia anti-terror hahahaha

Ah! E ele também tem algumas teorias e um final que te leva a pensar em diferentes hipóteses, assim como "A Origem".




Mais uma maravilhosa parceria entre DiCaprio e Scorsese, mas dessa vez baseada na história de Jordan Belfort, um corretor de títulos da bolsa de valores americana que enriquece muito facilmente, mas claro, com muitos atos ilícitos e uma boa quantidade de drogas.

Leo que me perdoe, mas não consegui resistir a esse meme...

Esse filme é baseado no livro homônimo de F. Scott Fitzgerald e tem todo o encanto dos anos 20 e glamour. Aquelas festas maravilhosas, com aquelas roupas maravilhosas e tudo mais que essa década teve de maravilhoso.  Nesse cenário temos o jovem Nick Carraway (Tobey Maguire) que conhece e se torna amigo de seu vizinho Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio), que é famoso por dar festas enormes. Nenhum dos convidados sabe muito bem que é Gatsby, de onde vem a sua fortuna e nem o motivo para tantas festas, mas para nós tudo isso vai sendo aos poucos revelado durante o filme...

Me lembro de na época do lançamento do filme, em 2013, foi feita uma edição nova do livro, com capa dura e tudo mais e minha mãe ganhou esse livro. Então eu segurei um pouco a minha vontade de ver o filme, para ler o livro antes. Super recomendo que quem ainda não viu o filme, mas pretende ver e gosta de um bom livro, leia antes. Juro que tudo eu lia e ia imaginando foi perfeitamente colocado no filme. É, na minha opinião, uma das adaptações mais bem feitas.




Django Livre é dirigido pelo aclamado Quentin Tarantino e conta a história do escravo Django (Jamie Foxx) que é libertado por um caçador de recompensas, mas sob uma condição: Django deve ajudá-lo a encontrar os irmãos assassinos Birttle. 

É o único filme dessa lista que Leonardo atua como coadjuvante. Além disso ele é um grande babaca também, mas a atuação é impecável e o filme ganhou seu lugar aqui pela cena que Leo quebra um copo, se corta de verdade e continua a cena normalmente como se nada tivesse acontecido. Sim! O sangue é de verdade nessa sequência, não foi só mais um lugar que Tarantino resolveu introduzir seu "objeto de cena" favorito.



Esse filme não podia faltar, pois foi o que lançou a carreira do rapaz e fez ela ser o que é hoje. A história todos nós sabemos: James Cameron usou toda sua licença poética e construiu um romance lindo em cima da história do navio mais luxuoso e seguro de sua época, classificado pela imprensa como "inafundável" e que mesmo assim naufragou na primeira viagem. No filme temos também aquela música maravilhosa que super nos faz arrepiar, My Heart Will Go On, interpretada por Celine Dion. E não podemos esquecer da polêmica porta que cabia o Jack sim!!



Para terminar essa lista que já esta enorme, vou indicar um filme que mal conheço, mas já considero pacas! Com previsão de lançamento para 4 de fevereiro de 2016, o filme conta a história de Hugh Glass (Leonardo DiCaprio), um caçador que viaja para o oeste americano em busca de dinheiro, no entanto ele é atacado por um urso, fica gravemente ferido e é abandonado pelo seu parceiro John Fitzgerald (Tom Hardy). No entanto, para tristeza de John, Hugh sobrevive e começa sua jornada em busca de vingança.

Leo já deu entrevistas e disse que esse é o filme mais desafiador de toda sua carreira. Ele sofreu um pouco nas gravações também: "Eu consigo nomear 30 ou 40 sequências que foram algumas das coisas mais difícieis que tive de fazer, seja entrando e saindo de rios congelados, dormindo em carcaças de animais ou comendo o que tive que comer no set de filmagens. Eu estava lidando com um frio congelante e a hipotermia era um risco constante". Há boatos de que ele chegou a lutar de verdade com um urso e também se enterrou vivo para poder ter certeza do que faria em cena.

É! Sinto um Oscar chegando! Se não for dessa vez, podemos concluir que a Academia é muito zoeira e que o moço, infelizmente, vai ter que desistir de ter esse prêmio em sua estante... 

Espero que vocês tenham gostado desse pequeno post. Se tiverem mais sugestões de filmes é só deixar aqui nos comentários!

Obrigada pela visita e volte Sempre às Quatro!


2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Publi Nosso de Cada Dia