30 de dezembro de 2015

A Origem


Há algum tempo atrás eu fiz aqui uma pequena lista com alguns filmes do meu ator preferido: Leonardo DiCaprio. Nesse post eu falei sobre o filme "A Origem" e mencionei que ele era envolto em teorias e que num post futuro eu falaria sobre elas.

Ontem eu assisti esse maravilhoso filme novamente, pra mostrar a Roberta o quanto ele é bom e prestei muita atenção em um detalhe que eu já tinha reparado, mas ainda não tinha desvendado todo o mistério e é sobre ele que vou falar hoje! Que aliás eu acredito que não seja apenas uma teoria, mas sim o que o diretor e roteirista Christopher Nolan quis passar...

A partir daqui vou colocar alguns SPOILERS, então se ainda não viu o filme, corre lá assiste e depois volta!

Em um certo momento do filme, Cobb (Leonardo DiCaprio) pede a Ariadne (Ellen Page) que ela crie um totem, um pequeno objeto que irá permitir que ela nunca perca a noção do que é realidade ou do que é sonho, pois ele irá se comportar de forma diferente nessas dimensões.

Pouco depois disso, Arthur (Joseph Gordon-Levitt) conta para Ariadne que não é possível utilizar o totem de outra pessoa, pois trata-se de um objeto muito pessoal e apenas seu dono conhece seu peso e outros vícios do mesmo.

Foi nessa parte que comecei a achar as coisas um pouco estranhas, já que fica bem claro durante o filme que aquele totem que Cobb vive rodando é o totem da sua falecida esposa, Mal (Marion Cotillard).

Então eu comecei a reparar, encontrei na internet uma teoria que batia com o meu pensamento, assiste novamente o filme ontem e: o totem do Cobb é a aliança!!! 

Pensando assim, conseguimos desvendar claramente o final no filme e acabar com aquela dúvida do "ele está na realidade ou está no limbo?", mas isso vou deixar vocês descobrirem sozinhos, só vou deixar algumas imagens do filme aqui para vocês entenderem o raciocínio.


Nessa foto , podemos ver uma cena do inicio do filme, quando Cobb está no sonho de Saito (Ken Watanabe), ou seja, não é a realidade. A aliança está no seu dedo pra lembrá-lo que aquilo é só um sonho.


Já nessa foto, Cobb está na realidade, em um apartamento, conversando com seus filhos pelo telefone, e a aliança não está mais em seu dedo.

Essa sequencia de "com a aliança" e "sem a aliança" se repete durante todo o filme juntamente com o que é "sonho" e o que é "realidade", provando que o totem de Cobb é sua aliança, e como já disse, desvendando o mistério do final do filme!

Pra quem já assistiu o filme: vocês já tinham reparado nisso? Se conhecerem outras teorias sobre esse filme, ou qualquer outro, compartilhe com a gente aqui nos comentários!

Obrigada pela visita e volte Sempre às Quatro!

2 comentários:

  1. Tô passada! Não tinha notado isso... Filme mto massa!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme é realmente muito bom! Não me canso de assistir! hahahahahah quando tiver oportunidade, confere essa teoria!
      Obrigada pela visita e volte Sempre às Quatro! :*

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Publi Nosso de Cada Dia