8 de julho de 2016

A Incrível História de Adaline

A Incrível História de Adaline

Tenho o costume de assistir algum filme ou série antes de dormir. Para isso, eu procuro um romance ou uma comédia bem leve, já que geralmente acabo dormindo mesmo. Porém eu subestimei "A Incrível História de Adaline".

Dirigido por Lee Toland Krieger e lançado em maio de 2015, o filme conta a história de Adaline (a maravilhosa Blake Lively), uma jovem de 29 anos, nascida no dia primeiro de janeiro de 1908. Ela tinha uma ótima vida, com todos os requintes da época, se casou com um engenheiro (Peter J. Gray), com quem teve uma única filha: Flemming (Ellen Burstyn).

A Incrível História de Adaline
Maravilhosa! <3

Infelizmente, o marido de Adaline morre no início de 1937. No final do mesmo ano, Adaline sofre um acidente de carro que mudará sua vida para sempre. Devido a um fenômeno desconhecido na época (e que só será descoberto em 2035), ela perde sua capacidade de envelhecimento e se torna praticamente imortal. 

Quando sua condição rara é descoberta, o governo decide estudá-la pra descobrir tudo sobre sua "doença" e é a partir daí que ela decide passar a vida fugindo. Ficando apenas uma década em cada lugar, sem criar grandes laços de amizade e muito menos de amor.

A Incrível História de Adaline
Flemming e Adaline

Sempre usando documentos falsos, ela passa seu tempo livre estudando em livros de medicina e qualquer outro material que possa ajudá-la a descobrir a cura para seu problema, já que está vendo sua filha envelhecer e não consegue manter nenhum relacionamento amoroso por muito tempo.

Isso muda quando ela conhece Ellis Jones (Michiel Huisman, o Daario Naharis de Game of Thrones), um jovem filantropo que se apaixona por Adaline e não entende o motivo da mesma ser tão distante e resistir tanto para sair com ele.

A Incrível História de Adaline
Ellis e Adaline

Quando Adaline finalmente resolve ceder e se envolver de uma forma mais profunda com Ellis, ele decide levá-la para conhecer seus pais e é ai que os problemas começam, já que o pai do rapaz (Harrison Ford) é uma figura marcante do passado de Adaline.



Esse filme é realmente muito lindo. Trata das várias formas que o amor pode assumir e mesmo que parar de envelhecer seja impossível, o filme fala sobre como o ser humano pode agir para proteger as pessoas que ama diante das situações mais inusitadas.

Se você ainda não assistiu "A Incrível História de Adaline", não perca mais tempo e vá ver, aproveita que está disponível na Netflix! Se já assistiu, leia esse texto e se apaixone mais pelo filme!

Obrigada pela visita e volte Sempre às Quatro!

2 comentários:

  1. Post muito útil pra mim!
    Sempre passo por esse filme na Netflix e fico em dúvida... Da próxima, verei.
    A história me fez pensar em Forever, série da Warner em que o personagem também não envelhece e foge de criar laços, etc... Conhece?

    Yellow Ever Shine

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lari! Fico feliz que o post tenha feito você mudar de ideia, eu achei a história muito linda e a forma como o amor é tratado é incrível!
      E já ouvi falar sim de Forever, minha mãe assistia. Vi um ou dois episódios aleatórios com ela, não acompanhei a série, mas já está na minha listinha!
      Obrigada pela vista e volte Sempre às Quatro!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Publi Nosso de Cada Dia